Palestrante motivacional e comportamental, Consultora de marketing e treinamentos, Empresária, Escritora, Especialista em iDeias sobre a arte de seduzir
« voltar

Qual o problema de ser solteira?

Depois de um certo tempo, muitas mulheres se perguntam qual o motivo por ainda não terem um parceiro. Mas afinal, ser solteira é um problema?

 

É comum encontrarmos mulheres que depois de uma certa idade desistem de encontrar alguém para vida e decidem dedicar-se especialmente a elas mesmas e à sua solteirice. E isso é mais normal do que se imagina e de maneira alguma ser solteira é um problema: a escolha de como sentir-se bem com a sua vida amorosa e sexual deve ser exclusivamente sua.

 

Às vezes estar em um relacionamento apenas por comodismo ou para ser socialmente aceita pode ser sufocante e acabar deixando-a infeliz com a sua própria vida. O ideal é que você esteja feliz com a sua escolha, independente do período da sua vida.



Imagem: Shutterstock


Não estar preparado para dividir a sua vida com alguém é uma das principais características de quem está solteiro. O estilo de vida a dois necessita de uma maturidade muito grande, e de que ambos estejam cientes que terão que ceder em alguns pontos, abrindo mão de certas comodidades que há em viver sozinho. Isso não quer dizer que você seja uma pessoa individualista, mas sim que talvez não tenha sido feita para um relacionamento duradouro. 

 

Outro problema que acaba deixando muitas mulheres - e também muitos homens - sozinhos, são experiências anteriores que não foram muito bem sucedidas, principalmente se houve um relacionamento sufocante e que lhe custou o afastamento de pessoas importantes na sua vida, como amigos e família. Ter que abrir mão por completo de privacidade e individualidade também não são boas experiências, que podem impactar negativamente na escolha de um novo parceiro.

 

Durante nossa vida de solteiras, acostumamos com um estilo em que muitas vezes não tem espaço para outra pessoa. Sair quando quiser, com quem quiser, não ter hora para voltar ou fazer uma viagem quando der vontade são apenas alguns exemplos disso. Quando existe outra pessoa ao lado, é preciso muita negociação e consentimento para todas essas coisas acontecerem. Apesar dos ganhos de um relacionamento, para algumas mulheres as privações não compensam. É como pesar custo e benefício, e neste caso a solteirice acaba ganhando.

 

A questão é que cada pessoa tem um jeito de se relacionar com outras, e por isso, não tem nada de errado em ser feliz do seu jeito. Se for solteira, então faça valer a pena, realize suas vontades, seus desejos, saia com quem você tiver interesse e o mais importante: esteja de bem consigo mesma.

 

Beijokas,

Andreia Berté.